No amor e no esporte: encontre o presente certo para o seu par!

04
jun 2018

Dividir uma vida com alguém deixa tudo muito melhor, e com o Dia dos Namorados chegando, esta celebração ganha o toque do amor para agradecer o companheirismo e as felicidades compartilhadas – seja nos treinos ou na correria da rotina. Como sabemos que cada par tem um jeito único, separamos algumas dicas para presentear e surpreender a sua alma gêmea. Continue lendo e veja qual é o estilo que representa o seu amor!

Amor aventureiro

Uma folga na rotina e a sua alma gêmea já tem uma programação cheia de adrenalina para colocar em ação? Um presente surpreendente e completo para aventuras é o que o seu amor merece. Então, que tal um kit com uma Pochete Adventure para armazenar o necessário; óculos de sol para os momentos de alta luminosidade e uma toalha Body Dry Xtra para carregar para qualquer lugar, sem ocupar muito espaço?

Pochete:

Óculos Speedo Erizo:

Toalha Body Dry Xtra Towel:

Amor tradicional
Sem exageros e na medida certa, o amor chegou e fez o seu mundo completo. Parece até que ele saiu do roteiro dos filmes antigos e foi direto para a sua vida, não é mesmo? E para que o seu par siga sempre com este jeito simples e incrível de levar a vida, aposte em presentes que são perfeitos para a rotina, como a Jaqueta Pad, a Mochila New Office e um relógio cheio de estilo.

Jaqueta PAD Masculina e Feminina:


Mochila New Office:

Relógio 80610L0EVNP1:

Amor antenado
Sempre por dentro das tendências de moda e com um estilo incrível, acreditamos que o seu amor merece um up neste Dia dos Namorados. A Jaqueta Wind, da nova coleção de Inverno Speedo 2018, é uma aposta certa para os namorados que gostam de versatilidade sem perder o charme. E para as namoradas que tem uma rotina agitada, a Bolsa Impress é excelente para carregar tudo o que precisa sem ficar por fora da tendência.

Bolsa Impress:

Jaqueta Wind:

Gostou de nossas dicas? Visite uma Speedo Store ou nossas lojas parceiras para encontrar o presente para seu amor se apaixonar ainda mais!

Baixas temperaturas, alto rendimento

24
mai 2018

É só a temperatura começar a cair que um leque de desculpas para ficar em casa e não praticar o seu esporte aparece. Mas isso não serve para você, certo? Sair debaixo do cobertor em dia de treino e ter as metas bem claras de sua evolução fisicamente não dependem dos termômetros. E para que você tenha um desempenho excelente, mesmo com as adversidades climáticas, separamos algumas dicas.

Aquecimento
Chegar na temperatura ideal para começar a sua atividade física durante o inverno pode levar um pouco mais de tempo. Ter um período dedicado a essa preparação mais cuidadosa é fundamental para evitar lesões e o afastamento dos treinos. Não se esqueça de dedicar também uma parte ao alongamento – tanto no início, como no fim.

Escolha da roupa
A tendência é que você coloque muitas camadas de roupas e vá tirando conforme o corpo for esquentando, mas o superaquecimento pode retirar sais minerais importantes, além de levá-lo mais rapidamente a estafa. Tecidos tecnológicos, como a Microfibra Ultra Toouch, o Fleece e o Polysoft, presentes na nova coleção Inverno Speedo, colaboram para que você não sinta a variação durante e após o treino.

Cabeça, mãos e pés protegidos
Para quem opta por fazer atividades ao ar livre, as extremidades do corpo acabam sofrendo um maior impacto. Meias, luvas, gorros e atenção redobrada são fundamentais para que essas regiões não sejam afetadas. Qualquer sensação estranha deve ser reportada ao médico.

Hidratação sempre
Antes, durante e após o treino: não se esqueça da água! Sentimos menos sede no inverno, e é nessa sensação que mora o perigo. Ter uma boa hidratação é tão fundamental nestes dias quanto nos quentes. Coloque lembretes ou instale aplicativos específicos no celular para esta função e faça da água a sua companheira para todas as horas.

Atenção redobrada a partir dos 14ºC
Alguns estudos ao redor do mundo apontaram uma preocupação maior com ataques do coração durante o inverno. Em 2009, A Sociedade Paulista de Cardiologia publicou uma pesquisa que revela que os números de infarto aumentam em 30% quando as temperaturas estão abaixo dos 14º C. Há possibilidade deste aumento estar atrelado a uma atividade maior sistema cardiovascular, além de uma contração natural para manutenção da temperatura corporal.

A alimentação rica em gordura nesta época é outro fator de cuidado, mas respeitando os seus limites e monitorando todos os sinais que o seu corpo envia, você aproveitará o melhor da estação e estará pronto para usufruir o melhor da próxima também!

Natação e maternidade

07
mai 2018
Em meio a tantas atividades do dia a dia, encontrar um momento que seja só seu é muito importante para continuar tendo força e foco nesta complexa função que é a maternidade. Com toda a sua energia voltada às atividades, que se dividem entre a família, o trabalho e as inúmeras funções cotidianas, sabemos que praticar uma atividade física não é colocada como prioridade, mas, para o seu bem, você deve começar a apostar em um momento exclusivo para você.
Popularmente recomendada por ser um exercício completo e com pouco impacto, a natação guarda em sua prática muito mais benefícios que auxiliam mulheres, especialmente mães, a terem uma qualidade de vida melhor. Trabalhando o Core, conjunto de musculatura responsável pela sustentação e estabilização do corpo, nadar ajuda na prevenção do desenvolvimento de dores crônicas no quadril e coluna, comuns durante a gravidez, principalmente em mães de primeira viagem.
Ter um bom preparo físico e estar constantemente ativa fortalecem o sistema imunológico, além de endossar a produção de endorfina, que traz a sensação de felicidade e realização, fundamental para relaxar e manter a calma nos momentos de tensão nesta jornada intensa. Ainda na função relaxante, um estudo publicado na revista acadêmica Pain Research & Management aponta que os sintomas de estresse crônicos são minimizados em contato com a água.
Sabe aquela vontade de voltar o tempo e ter disposição de uma adolescente? Na piscina este sonho pode se tornar possível. Quem pratica regularmente a natação está, biologicamente, 20 anos mais novo, tudo isso por conta dos efeitos positivos na pressão arterial, níveis de colesterol e resistência muscular.
Com tantos benefícios, chegou a hora de avaliar a sua agenda e encaixar este contato com a água sempre que possível, afinal, ser mãe é padecer no paraíso, e por que não transformar este ditado em realidade agora?
Fontes:

Qual a roupa perfeita para malhar? Confira nossas dicas para fazer uma boa escolha

24
abr 2018

Ter uma rotina de atividade física é um grande desafio, e cada momento dedicado à prática esportiva é muito importante para que você não aproveite ao máximo este tempo. O conforto é um dos quesitos de maior prioridade e a escolha de roupas adequadas para as diferentes modalidades é decisivo para que o sucesso do seu desempenho.
O estilo também é importante para deixar sua confiança lá em cima, mas nunca se esqueça que o foco é o treino. Então, vamos a algumas dicas que ajudam você a decidir o que é melhor para o tipo de esporte ou exercício que você pratica?

O que você vai praticar?

Cada modalidade tem uma característica especial e os pontos de maior cuidado mudam de acordo com a repetição de movimentos que você precisa fazer. Ou seja, uma roupa de academia não é a mais adequada para longas distâncias de corrida de rua, assim como você não pensa em fazer algum esporte de quadra com roupas de mergulho. É preciso preparação e bom senso para uma escolha perfeita.

Na linha Running, Fitness e MultiSport, temos a mesma tecnologia nas peças, que é a FastDry. Porém, para cada modalidade é usado um diferencial, que varia desde de poros mais abertos que facilitam a transpiração até o aumento de cuidado em áreas que recebem mais atrito.

Tecido com tecnologia e outros materiais

Ajuste de temperatura e umidade têm na tecnologia de tecidos um grande aliado para a prática. Textura, peso, maleabilidade e até proteção UV são essenciais para que o seu conforto seja preservado. Na linha Fitness, o tecido FastDry Wind é o mais recomendado para quem chega a altas temperaturas corporais e precisa de uma troca maior com o ambiente, além de contar ainda como toque gelado.

Em equipamento para proteção, como tornozeleiras, também é essencial observar a procedência, já que terá contato direto com o seu corpo e será responsável por auxiliar na diminuição do risco de lesões. É de extrema importância se atentar ao design também, já que a peça tem impacto na circulação sanguínea, facilitando o fluxo – como é o caso da linha Premium.

Dimensões

Roupas muito largas ou apertadas podem prejudicar a sua mobilidade ou até causar acidentes que afastarão você da sua rotina esportiva. Peças nas dimensões corretas ajudam até em sua autoestima, agregando estilo na medida certa para sua atividade.

Protegendo os olhos

Especialmente para a natação, até mesmo as cores das lentes dos seus óculos precisam ser escolhidas com atenção. Isso porque, dependendo das características, auxiliam na sua desenvoltura e colaboram para um melhor equilíbrio entre o meio e a visão. Para ambientes abertos, o uso de modelos fumê, lilás ou rosa são os mais indicados. Já nos fechados, amarelo, vermelho ou até mesmo o coringa cristal são as grandes apostas.

Óculos de sol também seguem especificações para cada momento de luminosidade. Lentes marrom e fumê são melhores para dias claros, ressaltando contrastes e detalhes. Verde-escuro permite boa percepção de cores e as laranja ou amarela auxiliam na profundidade.

Acessórios

Sabia que os itens de armazenamento também têm sua importância? Squeeze, mochilas, braçadeira e até pochetes ajudam a sua vida na hora de transportar itens. Nas dimensões corretas e com materiais específicos para a sua atividade, segurança e praticidade estarão ao seu lado na rotina esportiva.

Ao assegurar que os itens estão de acordo com o que a sua prática exige, é hora de você abusar das cores, modelos e combinações Depois, é só partir para o treino com toda a disposição. E se você gostou das dicas, siga os perfis oficiais da Speedo e confira dicas diárias de nossos produtos para otimizar sua performance e o seu dia a dia!

Maria Lenk: A revolução brasileira na história da natação

10
abr 2018

Uma das palavras que mais marcam a trajetória de Maria Lenk, tanto no esporte como na vida, é o pioneirismo. Uma mulher que fixou seu nome entre os mais importantes da história da natação ao desafiar padrões e conquistar lugar de destaque em competições quando a presença feminina era quase inexistente. Ela levou o Brasil e a América do Sul a um lugar cativo na evolução do esporte no mundo. Dos dez anos de idade até os últimos dias de vida, aos 92, Maria nadou e aprimorou técnicas que até hoje servem de parâmetro de performance. Foi a primeira mulher da América do Sul a competir em uma Olimpíadas, em Los Angeles 1932, e quatro anos após, nos Jogos Olímpicos de Berlim, foi a responsável pela introdução do nado borboleta quando competia em uma prova de peito. Conquistou muitas vitórias, mas infelizmente, no ápice de sua carreira, teve o sonho de uma medalha olímpica feminina para o Brasil interrompido pela Segunda Guerra Mundial. Aperfeiçoou seus estudos e teve enfática responsabilidade na fundação da Escola Nacional de Educação Física, onde colaborou para desenvolver pesquisas e material teórico sobre a natação. Faleceu em abril de 2007, meses antes da inauguração do complexo aquático que iria homenageá-la, construído para os Jogos Pan-Americanos de 2007 no Rio de Janeiro. Também em sua homenagem, o tradicional torneio Troféu Brasil foi renomeado para Troféu Maria Lenk. Como uma das maiores competições brasileiras de natação, a classificação garante vaga para a seleção brasileira que representará o país em disputas mundiais da temporada. Neste ano, com participação de Viviane Jungblut, Nicholas Santos, Alessandra Marchioro, Gabrielle Rocatto e Ana Marcela (confirmar), o Speedo Elite Team estará em peso para a competição que acontece de 17 a 21 de abril. Por tudo isso, é possível imaginar a honra que é disputar esse prêmio! Siga os perfis oficiais da Speedo e acompanhe tudo sobre Troféu Maria Lenk 2018.