Dicas de segurança para prevenir afogamentos

10
dez 2019

Verão é sinônimo de sol, praia e piscina! O calor dessa época do ano nos faz querer passar cada vez mais tempo dentro d’água, não é verdade? E por isso mesmo é que precisamos ter mais cuidados com a nossa segurança e das pessoas à nossa volta também. Neste post, vamos te dar algumas dicas para prevenir afogamentos. Fique ligado!

O risco de afogamentos é maior no verão
A estação mais quente do ano atrai muitos turistas para o litoral e para regiões de rios e cachoeiras. O maior número de pessoas se refrescando na água e a rotina “menos regrada”, por assim dizer, das festas de final de ano, acabam aumentando o número de acidentes com afogamento e mortes. Entre as principais causas dos acidentes, podem ser destacadas a embriaguez, o descaso com os avisos de segurança e brincadeiras de mau gosto na água.

Só em 2019, o Grupamento Grupamento de Bombeiros Marítimo (GBMar) realizou 1.633 salvamentos e registrou 80 mortes em praias da Baixada Santista.

Como prevenir afogamentos
Manter sua atenção redobrada é importante para que a diversão na água seja saudável e segura. Mesmo nadadores experientes podem correr riscos. Por isso, para prevenir afogamentos, siga essas dicas:

  • Não entre no mar quando ingerir bebidas alcoólicas e logo após as refeições;
  • Entre no mar de preferência em áreas próximas a um guarda-vidas e mantenha-se próximo a ele;
  • Não nade em pontos onde existem bandeiras de sinalização que indiquem ‘PERIGO’ no mar;
  • Evite tomar banho e nadar onde houver valas e buracos;
  • Ao usar boias e outros objetos flutuantes redobre o cuidado, pois eles transmitem a sensação de uma falsa segurança e podem arrastar você para áreas mais profundas e perigosas;
  • Evite mergulhar sozinho ou durante à noite.

As crianças exigem um cuidado maior!
No verão, é preciso ter ainda mais cuidado com as brincadeiras das crianças! Seja na piscina, mar rio ou cachoeira, o perigo é constante se não houver a supervisão de um adulto. Então certifique-se de:

  • Designar uma pessoa para tomar conta de crianças. Alguém que não beba muito e que possa se concentrar nas crianças;
  • Não confie apenas nas boias ou em outros banhistas próximos ao local de nado, é bom manter-se de olho;
  • Lembre-se que o salva-vidas tem muitas pessoas para observar e nem sempre poderá dar conta de todos;
  • Mantenha seus filhos no seu campo de visão (ou da pessoa designada para isso);
  • Dê preferência à companhia de um adulto quando as crianças estiverem na água.

Essas são algumas dicas para que seu verão seja apenas de muita diversão na água! E lembre-se, em caso de dúvidas sobre algum local para banho, procure um guarda-vidas!

Quer continuar lendo sobre dicas de saúde e esporte? Que tal ler sobre os benefícios do treino em família e como se manter ativo nas férias!

Como se manter ativo nas férias?

26
nov 2019

O fim de ano é um período de descontração, lazer e muita farra! E, claro, que com toda essa movimentação com festas e viagens (e comilança) é muito difícil garantir uma rotina de treinos, não é verdade? Mas saiba que é possível se manter ativo nas férias, basta encontrar um tempinho, disposição e adaptar suas práticas esportivas! Neste post, damos algumas dicas de como fazer isso. Continue lendo!

Faça da praia sua academia
Uma dica para quem está viajando no fim do ano é aproveitar o clima agradável e o próprio ambiente mais leve para fazer exercícios ao ar livre! Se você não tem acesso aos aparelhos que costuma utilizar na academia, existem diversos exercícios funcionais que podem ser feitos em qualquer lugar, como a calistenia, que são exercícios que necessitam apenas do seu corpo!

Aqui no blog, já falamos sobre a calistenia, leia aqui e aprenda como praticá-la!

Separe um tempo para se exercitar
Se você está viajando, sua rotina muda completamente, mas isso não quer dizer que você não possa separar um período do seu dia para fazer atividades físicas! Então, programe-se e reserve um tempinho diário, seja no começo da manhã ou no fim da tarde, por exemplo, para fazer atividades físicas e cuidar do seu corpo. É importante que você respeite o tempo de exercícios (30 minutos, 1 hora, você decide), mas lembre-se que você está de férias e que talvez precise conciliar sua agenda com a de outras pessoas. Falando nisso…

Aproveite as pessoas à sua volta
Uma excelente dica para quem quer se manter ativo nas férias é envolver as pessoas que estão com você nas atividades físicas. Assim você vai conseguir que cuidar do seu corpo seja realmente parte da viagem e não algo que você tem que fazer sozinho. Além de ser prazeroso, é uma boa maneira de estreitar laços com familiares e amigos e garantir boas memórias de fim de ano. Então, abuse dos esportes e atividades coletivas!

Neste post, por exemplo, trazemos algumas brincadeiras que podem ser feitas com as crianças no verão para ninguém ficar parado! Confira aqui

Recomendamos
Se você vai passar o verão viajando e não sabe que modalidades praticar durante as férias, essas são nossas recomendações de práticas esportivas!

Nadar
Seja na piscina ou em mar aberto, a natação sempre combina com o verão. É um exercício que trabalha os músculos, o sistema respiratório e as articulações, além de ser um grande aliado na perda de peso.

Correr
A corrida é um esporte que pode ser praticado em praticamente sempre, basta ter disposição! Correr melhora o seu condicionamento físico, traz aquela sensação de bem-estar e ativa a circulação sanguínea, entre outros benefícios. Então coloque sua playlist favorita para rodar e comece a correr!

Calistenia
Como já falamos acima, a calistenia pode ser praticada em qualquer lugar. Essa é uma modalidade que traz muitos benefícios, como o aumento da flexibilidade, massa muscular e resistência. Dentre as recomendações, é a que mais se encaixa para quem vai sentir saudades da academia.

Esportes alternativos
Esportes que não praticamos durante o ano todo, mas propícios para o verão, são uma boa maneira de estimular o atleta que há em você a manter-se ativo nas férias. Então, aproveite para praticar vôlei de praia, frescobol e outras modalidades! Neste post, você verá cinco esportes perfeitos para praticar na estação mais quente do ano!

E aí, já está animado para não ficar parado no fim do ano? Bom treino e boas férias!

Fuga das Ilhas – Prova do Circuito Aqua

14
nov 2019

A próxima etapa do Circuito Aqua está chegando! No dia 08 de dezembro, a praia da Barra do Sahy, no litoral paulista, receberá sua última prova do ano, a Fuga das Ilhas. Realizada com apoio da Speedo, a prova terá uma travessia aquática de 2.000 m saindo da praia até uma ilha nas proximidades e retornando às areias da Barra do Sahy para a linha de chegada.

A prova pode ser disputada tanto por nadadores profissionais quanto amadores, tendo inclusive uma categoria especial para idosos. As inscrições para o projeto já estão abertas e podem ser feitas clicando aqui.

Local
A Fuga das Ilhas será realizada na praia da Barra do Sahy. Localizada na cidade de São Sebastião, Litoral Norte de São Paulo, está apenas a 155 km da capital paulista. Um paraíso natural conhecido pelo mar calmo e suas áreas de mergulho. O passeio vale a pena até para quem não intenção de participar da travessia, então traga amigos e família para um fim de semana cheio de sol e mar! Para chegar até a praia, as melhores opções são ir de carro (com um percurso de aproximadamente 2h30 de São Paulo) ou de ônibus, saindo dos Terminais Rodoviários da Capital com destino a São Sebastião.

KIT
O kit para a prova, que inclui sacola, camiseta personalizada, medalha de participação e uma touca de natação da Speedo já está disponível para compra no site do Circuito Aqua. Quem comprar antecipadamente receberá um e-mail com instruções para retirada do kit na semana da prova. Será necessário levar um documento original com foto e comprovante da inscrição para retirada.

Vale lembrar que a compra de um dos pacotes é obrigatória para a participação!

A travessia
Saindo da areias da praia de Barra do Sahy os nadadores irão até As Ilhas, uma ilhota em frente à orla, e retornarão à praia, totalizando 2 km de trajeto. Você pode conferir todo o percurso em um mapa interativo no site oficial do evento.

Sobre o Circuito Aqua
Famoso por trazer para suas provas um clima descontraído e escolher cenários paradisíacos para cada uma das etapas onde passa, o Circuito Aqua é o maior e mais importante circuito de travessias aquáticas do Brasil. Com percursos de até 2000 metros, suas etapas reúnem mais de milhares de atletas amadores e profissionais em provas que misturam esporte, turismo e lazer em um único final de semana.

Neste ano, duas etapas já foram realizadas, sendo elas a Volta do Parcel em Juquehy, São Sebastião-SP, com mais de 1.500 atletas e a Travessia Maravilhosa, que reuniu mais de mil nadadores na praia de Copacabana no Rio de Janeiro.

Saiba mais sobre como foram as provas anteriores clicando aqui.

E aí, nadador, está animado para a última prova do ano? Bora treinar?

Ficha Técnica da Prova
Circuito Aqua – Fuga das Ilhas
Data
08 de Dezembro de 2019
Horário de Largada
A definir
Local
Praia Barra do Sahy – Rua do Pontal, s/n, São Sebastião – SP
Distância
2000 metros
Quem pode participar
Atletas profissionais e amadores

Você sabia que o câncer de pele pode atingir também os nossos lábios?

28
out 2019

Sobre câncer de pele todo mundo já ouviu falar, mas o que ninguém se lembra na hora de tomar sol é que os nossos lábios também precisam de proteção. Afinal, essa região é delicada e pode ser diretamente afetada. Continue a leitura para saber como se proteger.

Como o câncer de pele nos lábios pode surgir?
Ainda que a exposição ao sol sem proteção seja o principal fator de desenvolvimento do câncer de pele, o tabaco e o álcool em excesso também podem colaborar com o surgimento desse inimigo, de acordo com os médicos da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Os especialistas sugerem que a doença apareça mais normalmente nos lábios inferiores — por ficarem mais expostos ao sol — das pessoas de pele clara. Vale destacar que quanto menos melanina temos na pele, menos conseguimos barrar os raios ultravioletas.

Hoje já existem cosméticos que oferecem essa proteção contra a incidência solar, como batons e protetores labiais com FPS. É importante investir naquilo que contribui para a nossa saúde. Mas não adianta usá-los só uma vez ao dia, hein?

Quais os principais sintomas do câncer de pele nos lábios?
Alguns sinais podem aparecer antes mesmo de a doença se tornar mais séria. Por exemplo, feridas nos lábios que não cicatrizam, pequenas descamações, inchaços e manchinhas brancas ou vermelhas, que ardem.

Já quando esses sintomas evoluem, os lábios podem sangrar, doer ou desenvolver nódulos, o que exige a consulta com um especialista e exames minuciosos para analisar o momento da doença.

Como é feito o tratamento?
O tratamento nunca é igual de um paciente para o outro. Tudo depende do estágio do câncer, de como a doença está se desenvolvendo e da saúde do paciente. Um tumor pequeno, por exemplo, pode ser retirado em cirurgia, enquanto que quadros avançados podem necessitar de quimioterapia ou radioterapia — o que também reduz o risco de a doença aparecer de novo, em outras regiões do corpo.

Prevenir é sempre o melhor remédio
O câncer de pele nos lábios não é agressivo e dói pouco, além de apresentar uma taxa de mortalidade baixa. Porém, há o risco de danos estéticos, principalmente quando a doença causa lesões mais extensas.

Ainda que pareça assustador, o câncer de pele nos lábios pode ser evitado ao longo de toda a vida. Não beber e não fumar em excesso é um grande passo, mas proteger-se da exposição ao sol é fundamental. Aposte em chapéus e bonés sempre que estiver recebendo os raios solares, além de protetores labiais com FPS 15, no mínimo.

Se você pratica esportes ao ar livre, como corrida ou natação em àguas abertas, fique sempre atento à saúde dos seus lábios, combinado?

Fonte: Revista Saúde

Calistenia: exercícios que só dependem de você

23
set 2019

Quem não curte fazer atividade física em lugares fechados, como em uma academia, precisa conhecer a calistenia. Mesmo que com um nome diferente, com certeza, esses exercícios já fizeram parte de algum momento da sua vida.

Você se lembra das aulas de educação física? Pois é, ainda criança você praticou calistenia sem nem saber. Então, agora não há desculpas para não fazer alguma atividade física, hein? Continue a leitura para entender melhor o que estamos falando.

O que é a calistenia?
Todos os dias ganhando mais adeptos ao redor do mundo, a calistenia nada mais é que exercícios funcionais que podem ser praticados a qualquer hora e em qualquer lugar, ou seja, são exercícios que necessitam apenas do seu corpo.

A calistenia trabalha com a força corporal e divide os exercícios em oito grupos localizados. O objetivo principal da modalidade, portanto, é permitir que você esteja preparado para erguer seu próprio peso.

Como surgiu a calistenia?
A palavra calistenia vem do termo grego kallistenés, que significa cheio de vigor. Ou seja, os exercícios buscam equilibrar as forças físicas, mentais e espirituais e elevar nossa energia. Criada no século XIX, a calistenia a princípio era praticada somente por mulheres, mas, com o passar do tempo, a comprovação de seus resultados acabou conquistando também os homens. E não tem limite de idade não, viu?

Quais os benefícios da calistenia?
A calistenia pode promover diversos benefícios a seus praticantes, como o aumento da massa muscular e da força física e uma melhora na mobilidade, resistência, flexibilidade e equilíbrio do corpo.

Também desenvolve a coordenação motora, reduz a gordura corporal e ativa o metabolismo. Ainda, a calistenia é interessante por não precisar de acessórios ou equipamentos e poder ser praticada em qualquer lugar.

Como começar a praticar calistenia?
Quem pretende entrar para o universo da calistenia deve saber que os primeiros treinos precisam ser feitos de forma mais tranquila, sem movimentos de grande intensidade ou alto número de repetições. Com o passar do tempo e muita dedicação somada à disciplina, os treinos se tornam mais fortes e os resultados mais impressionantes.

Alguns dos exercícios mais praticados:

  • apoio: principalmente para tonificar a região peitoral, dos ombros e tríceps;
  • agachamento: fortalece os músculos do quadril e dos joelhos, ajudando na tonificação dos membros inferiores;
  • abdominal: esse exercício funciona para definir a região do abdômen e pode ser feito de diferentes maneiras;
  • prancha: ajuda também no fortalecimento da região abdominal e pode ser feita de diversas formas — com variações laterais, por exemplo;
  • parada de mão: também conhecida como bananeira, essa posição fortalece, principalmente, a região dos ombros.

É interessante que você faça, pelo menos, quatro treinos por semana, podendo ser dois para os membros superiores e dois para os membros inferiores. Quando sentir-se cansado, faça uma pausa para que seus músculos consigam se recuperar da fadiga dos treinos. Mas, vale ressaltar, é fundamental contar com a orientação de um profissional.

Também é importante modificar o treino cada vez que você perceber que seu corpo já se acostumou. Uma sequência nova de exercícios permite que seus músculos sejam, mais uma vez, estimulados — o que traz melhores resultados.

E como deve ser a alimentação?
Tanto quem quer perder peso quanto quem quer ganhar massa precisa se atentar aos alimentos que consome — a dieta está diretamente ligada aos gastos energéticos e representa mais da metade dos resultados. Manter um cardápio balanceado e, ainda, comer nos horários certos, é essencial para que os exercícios gerem resultados.

A calistenia é um conjunto de exercícios com certo grau de complexidade que, num primeiro momento, devem ser praticados com cuidado, disciplina e apoio profissional. Para tornar os treinos mais animados você pode, por exemplo, pedir ao educador físico que elabore um circuito misto.

Que tal começar a praticar calistenia hoje mesmo? Você pode reunir um grupo de amigos, chamar um treinador e queimar calorias em um parque ou em uma praça. Lembre-se de começar aos poucos e ter muita dedicação.

Fonte: Blog Educação Física