Correr, correr é o melhor para poder viver!

21
ago 2015

21.08_Blog-Corrida

Tá achando que correr é só calçar o tênis, vestir um shorts Speedo e dar umas voltinhas pelo parque? Não senhor(a)! A corrida é um esporte bem mais complexo do que você imagina. Inclusive, existem diversos tipos de treinos de corrida, cada um com a sua finalidade. Conheça alguns:

Corrida regenerativa:

Uma corrida mais light, de pequena distância, cuja finalidade é ajudar o atleta a relaxar o corpo e recuperar o fôlego logo após uma disputa acirrada ou treino pesado. Aqui a ordem é não apertar o passo!

Corrida básica:

Há uma grande chance dessa ser a modalidade que você pratica no seu dia a dia. É, literalmente, o tipo mais básico de corrida: curta a média distância, no ritmo natural do corredor. Normalmente, é usada para estimular a capacidade aeróbica dos atletas, principalmente daqueles em começo de carreira.

Corrida longa (Longão):

É o tipo de corrida que sucede a corrida básica. Nela, se mantém a passada natural do corredor, porém, ele percorre uma distância maior e sem intervalos. O objetivo desse treinamento é aumentar a resistência física e mental do corredor.

Corrida intervalada:

Uma das favoritas dos professores e treinadores. Nessa corrida, você vai alternar entre passadas mais lentas e ritmos acelerados por uma quantia X de tempo (normalmente, você corre um pouco menos do que anda).

Correr dessa forma ajuda a reduzir a fadiga e aumentar o tempo de treino. Lembre-se que você estará dando pequenos, mas potentes, tiros, seguidos de um período de caminhada mais tranquila, onde você recuperará parte do seu fôlego.

Este treino é excelente para trabalhar a potência, força e o limiar aeróbico, sem falar que cabe muito bem a todos os tipos de corredores, dos mais hábeis até os amadores. Ah! Ela queima gordura que é uma beleza!

Corrida de progressão:

Simples na teoria, difícil na prática. A corrida de progressão se resume a uma única corrida que aumenta progressivamente de ritmo, daí o nome. O atleta deve começar bem devagar e evoluir o seu ritmo, acelerando cada vez mais até chegar no momento de dar o Sprint final com todas as suas forças. Esse estilo é excelente pra quem quer desenvolver sua velocidade, resistência e aceleração máxima nos momentos finais das provas.

Fartlek

Correr está virando parte da rotina? Hora de dar uma variada com o fartlek, que aliás, baseia-se justamente em cima do conceito de variação. A cada intervalo, o corredor irá mudar algum aspecto do treinamento: o tempo de duração, o ritmo, no ambiente (subidas, descidas, ruas acidentadas ou em perfeitas condições), etc.

Tenha em mente que as variações não são feitas ao acaso. O fartlek é pensado em cima das necessidades do atleta. Se ele vai correr uma prova numa região mais fria, cujo trajeto é bem irregular, o treino deve levar isso em conta, propondo que ele corra em ruas mais acidentadas e em regiões de climas frios.

E aí, já sabe qual é o estilo de corrida que mais combina com você?

Correndo para cuidar da saúde!

07
ago 2015

07_08_15_Blog_Corrida

Bastou uma rápida visita ao médico para você ouvir as seguintes palavras: “Precisa perder peso”. Ou, você chegou à conclusão que tem, finalmente, que cumprir a promessa de ano novo.

 

Bom, seja lá qual for o seu motivo, o importante é que você está interessado em mudar a sua vida. Para começar, que tal correr um pouco? Olhe só os benefícios que a corrida traz para você:

 

1 – Reduz a gordura

Não acredita? Então, ande por 40 minutos, umas, duas ou três vezes por semana. Em pouco tempo, você vai notar uma diferença nas medidas e mais um aumento no fôlego. Se nesse pouco tempo correndo já troca a gordura por massa magra (músculos), imagina se você se dedicar mais!

 

2 – Melhora o condicionamento cardiovascular

Além de aprender a amar a corrida, correr também é um ato de amor próprio. A atividade é uma das que mais fortalece o sistema cardiovascular, ajudando com que o mesmo bombeie mais sangue em menos batidas e afastando doenças cardíacas e outros males cardiorrespiratórios.

 

3 – Ajuda a prevenir a depressão e a ansiedade

Correr é uma excelente forma de estimular o organismo a produzir dopamina e a serotonina, neurotransmissores respectivamente responsáveis pelas sensações de prazer e bem-estar. De quebra, eles ainda ajudam a regular melhor o sono, a libido, a TPM, enxaquecas e outras alterações no corpo.

 

4 – Acelera o metabolismo

Outras substâncias produzidas mais facilmente com a ajuda da corrida são os hormônios tiroidianos T3 e T4, excelentes para o controle do metabolismo, crescimento dos músculos e a manutenção do sistema nervoso.

 

Viu só? Correr é tudo de bom! Use os shorts e acessórios de corrida da Speedo e pé na tábua!

Correr, sem perder a gentileza.

25
jul 2015

 

25_07_blog_corrida

Correr virou um hábito para muitos brasileiros. É gente correndo pra cá, gente correndo pra lá e, de vez em quando, se forma um congestionamento de corredores, como não se vê nem no trânsito.

E é por isso mesmo, que não faz mal conhecer algumas regrinhas de etiqueta durante a corrida. Vamos lá:

1 – Os parques e ruas não são seus. São de todos. Quem está correndo num ritmo mais acelerado precisa, sempre, prestar a atenção e respeitar quem corre e anda devagar. Cuidado com os esbarrões!

2 – E já que estamos falando sobre ruas, procure correr nas calçadas, de preferência nas mais amplas e respeitando a regra anterior. Caso você tenha que ir para o asfalto, atenção redobrada nas curvas com fluxo contrário ao que você está correndo. Você não quer dar de cara num carro e nem o motorista quer que isso aconteça. Lembre-se: respeito é uma via de mão dupla.

3 – Ah! Nunca se esqueça de atravessar na faixa e respeitar as sinalizações.

4 – Conheça as regras referentes as ciclovias da sua região. Algumas cidades permitem que as pessoas corram nesses espaços, outras, proíbem a pratica, destinando as faixas única e exclusivamente para as bicicletas.

5 – Correr ouvindo música pode ser muito bom. E também pode dar muito errado. Em lugares onde o fluxo de pessoas é maior, recomenda-se deixar os fones em casa. Você pode se distrair escutando a sua música favorita e acabar trombando em alguém ou algo pior.

Viu só? Como tudo na vida, correr também é uma questão de bom senso. Respeitando o próximo, todo mundo aproveita e você consegue correr feliz e focado. Siga as dicas e bons treinos!

 

 

Speedo Run Series: Começando a corrida com o pé direito

16
jul 2015

16_07_blog_corrida

A 1a etapa da Speedo Run Series ficou marcada pela excelente performance de pessoas comuns, gente como você, que vestiu a camisa da superação e deu o melhor de si.

Agora é a hora de elevar o jogo e fazer ainda mais bonito na 2a etapa da corrida, que ocorrerá no dia 30/08, em São Paulo. Quer saber como? A Speedo explica:

1 – O treino

A primeira coisa que você vai precisar é de regularidade. Um bom condicionamento físico, normalmente, é fruto de treinamento constante. Se a vida está muito agitada, você vai ter que, no mínimo, separar tempo para três treinos semanais.

Alterne os exercícios, faça treinos intervalados e de intensidade. Um exemplo de treino intervalado é aquele que começa com 10 minutos de caminhada, para aquecer os músculos, seguido de 30 minutos divididos em séries de 5 min, dos quais, 3 você passa caminhando e corre por 2.

Ah, não fique só correndo na esteira. Conforme explicamos no post anterior da Speedo Run Series, a superfície de uma rua e de uma esteira são bem diferentes. Seu pé tem que se adaptar a irregularidade do asfalto.

Complete a rotina preparatória com uma alimentação saudável (procure ajuda de um especialista se preciso) e faça musculação. Corridas de 5Km ou mais, tendem a desgastar muito os membros inferiores, por isso, você vai precisar condicionar bem os músculos do quadríceps, glúteos, panturrilha e os posteriores da coxa.

E nunca se esqueça de contar com o acompanhamento de um profissional qualificado, que possa identificar suas características e lhe indicar outros exercícios complementares.

2 – Antes da Corrida

Alguns dias antes, faça o percurso da prova por conta própria. Identifique onde o seu desempenho é mais alto e onde ele é mais baixo. Elabore a sua estratégia em cima dessa informação.

Na data da corrida, chegue cedo. Bem cedo. Parece algo que se fala todo dia, para qualquer coisa, mas é um conselho valioso em véspera de prova. Quanto antes você chegar, mais próximo da linha de largado ficará. Menos gente para ultrapassar e esbarrar em você, ou seja, tempos menores.

Lembre-se de tomar bastante água antes de começar a corrida e faça um bom aquecimento, variando a intensidade, para elevar a frequência cardíaca e ativar os músculos do corpo.

3 – Durante a Corrida

É hora de colocar as pernas para trabalharem! No momento da largada, comece bem forte. Procure abrir o máximo de distância que conseguir entre você e os pelotões. O seu objetivo inicial é conseguir um bom espaço para diminuir um pouco o ritmo e manter essa frequência pelo restante da prova. Esses primeiros 500m serão essenciais.

Avalie a necessidade de ultrapassar os adversários. Às vezes, é melhor guardar o fôlego para fazê-lo em momentos estratégicos, como durante retas longas e planas e, no fim da maratona. Curvas, subidas e descidas são pontos traiçoeiros, você pode acabar sendo surpreendido, perder posições e até segundos preciosos.

E aí, pronto para outra? Dia 30/08 estaremos te esperando em São Paulo para a 2etapa da Speedo Run Series. Coloque o preparo em dia e vá lá dar um show!

Resultados 1ª Etapa da Speedo Run Series:

03
jun 2015

Speedo_ArnoldPessoal, saíram os resultados da 1ª etapa da Speedo Run Series realizada no Rio de Janeiro, no último domingo (30/05).

Confiram o Top Five de cada categoria:

Resultado 5km Masculino (Top Five)

CLASS NUM NOME BRUTO RITMO LÍQUIDO
1 1445 Ronald Jefferson 00:16:45,915 00:03:21,183 00:16:45.915
2 1235 Jose Adriano de Oliveira 00:16:57,498 00:03:23,500 00:16:55.545
3 1500 Zenivaldo Ancelmo de Souza 00:17:35,544 00:03:31,109 00:17:33.169
4 1276 Lucas Pinto 00:17:43,124 00:03:32,625 00:17:41.947
5 1182 Fernando Giolo 00:18:07,787 00:03:37,557 00:18:05.508

Resultado 5km Feminino (Top Five)

CLASS NUM NOME BRUTO RITMO LÍQUIDO
1 1045 Ana Paula De Souza 00:21:03,441 00:04:12,688 00:21:02.367
2 1256 Ladijane da Silva Gonçalves 00:22:34,723 00:04:30,945 00:22:32.898
3 1118 Cyntia Barbara Tarrafo Andrade Correa 00:22:39,746 00:04:31,949 00:22:39.746
4 498 Raquel Borges 00:23:16,431 00:04:39,286 00:23:15.529
5 1519 Marcella Assimos das Neves Silva 00:23:34,522 00:04:42,904 00:22:47.971

Resultado 10km Masculino (Top Five)

CLASS NUM NOME BRUTO RITMO LÍQUIDO
1 509 Carlos Mattos Lopes 00:34:37,994 00:03:27,799 00:34:34.817
2 18 Alessandro Guzman 00:35:21,154 00:03:32,115 00:35:20.950
3 408 Alexandre Moura 00:36:02,010 00:03:36,201 00:36:00.014
4 307 Ronan de Souza Bernini 00:36:22,020 00:03:38,202 00:36:18.927
5 21 Alexandre Anesi Maximiliano 00:36:26,358 00:03:38,636 00:36:23.770

Resultado 10km Feminino (Top Five)

CLASS NUM NOME BRUTO RITMO LÍQUIDO
1 183 Katia Lourenco Pinto de Almeida 00:42:28,838 00:04:14,884 00:42:26.486
2 281 Priscila Lourenco Pinto de Almeida 00:42:29,039 00:04:14,904 00:42:27.218
3 230 Marcia Moreira Ferreira 00:45:19,968 00:04:31,997 00:45:14.646
4 122 Erica Santana de Oliveira 00:48:45,034 00:04:52,503 00:48:41.894
5 43 Andrea Pereira da Costa de Melo 00:51:50,195 00:05:11,019 00:51:40.941

Não encontrou o seu nome aí? Sem problemas: Disponibilizamos o arquivo na integra, com todas as colocações, aqui: